SPAC Lions 2010

Mas vamos falar de coisa boa. Vamos falar na iogurteira Top Therm.

O SPAC ganhou, como era de se esperar, embora eu torcesse para uma zebra. E houve uma zebrinha. Achei que ia dar Niterói x SPAC na final, mas o Desterro conseguiu derrubar as cariocas num ponto de ouro.

O BHR, infelizmente, não levou a Taça Prata. Ficamos em 8º depois de perder para o Charrua e para o Vitória. Mas estar entre as oito já é um tremendo feito. No ano passado, o time terminou na 13º posição. Se continuarmos nesse ritmo, ano que vem disputamos a Taça Ouro. Beware.

Classificação final:

1º – SPAC – CAMPEÃO
2º – Desterro
3º – Bandeirantes
4º – Niterói
5º – Charrua – Campeão Taça de Prata
6º – São José
Vitória
8º – BH Rugby
9º – Recife – Campeão Taça de Bronze
10º – Goiânia
11º – USP
12º – EACH
13º – Lions (SPAC B) – Campeão Shield
14º – Pasteur
15º – Tornados
16º – Jacareí

E eu voltei pra casa carregada. Ganhei camiseta ‘Rugby Girl’ do Zeto, comprei uma irresistível com a haka dos All Blacks nas costas, trouxe bola, chaveiro e os chinelos que ganhamos do clube. Os chinelos foram providenciais, aliás, porque eu tinha esquecido os meus. Não que fossem exatamente uma boa ideia, porque 552 lavadas depois, meu pé continuava cheio de barro.

Também ganhei um calendário do Keep Walking Lords Of Rugby, um time paulista de quarentões veteranos. Tive crises de riso ao imaginar a cara do Zeto e do Hugo quando soubessem. Por sugestão da Bani, fomos tietar os ‘musos’ e conseguimos cinco autógrafos. Quando chegar em Barretos, escaneio. É imperdível.

Ficamos em um hotelzinho próximo ao Shopping Morumbi. E tinha uma convenção da HerbaLife por lá. Acho que nunca vi tanta gente junta na minha vida. E nunca senti tanto medo. Sorte que algumas das nossas gurias estavam circulando com camisetas de ‘atleta’ e ninguém ousou nos abordar.

O terceiro tempo foi aquele nonsense bêbado de sempre. Quem basicamente dominou a empolgação dessa vez foi a USP. Gritaram e cantaram alucinadamente, e acabaram arrastando os mais dispostos – ou mais bêbados – pra uma brincadeira que eu não sei como não resultou num pescoço quebrado. Eu fiquei de fora vendo e tendo crises de riso.

Aí veio a raivinha da viagem, aí veio BH. Agora é partir pras comidas boas e pro colo materno no fim de ano. Em janeiro tem Floripa. Agora me pergunta se eu quero outra vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s